Direito Tributário

Não é de meu interesse estudar direito tributário, especialmente porque não cai nos concursos que eu pretendo fazer. Porém, como é uma disciplina de aula e o professor da disciplina vai fazer sua avaliação baseado em resumos de aula, resolvi que vou fazer meus resumos aqui nesse blog. Nada garante que eu não mude de idéia e acabe não postando nada - o que, aliás, acontece com frequência nesse blog. Porém, essa é a proposta inicial.

O livro que estou por resumir - provavelmente capítulo a capítulo - se chama "Manual de Direito Tributário", está na '4a edição atualizada', é lançado pela editora Saraiva e tem por autor o senhor Luiz Felipe Silveira Difini - meu professor.

Na verdade verdadeira ele não pediu resumos; ele vai fazer questões orais em aula valendo nota. Porém, é bastante conveniente resumir para pensar sobre o capítulo e consequentemente ter tais questões respondidas em mente.

Minha primeira impressão do livro é de que ele é muito bem intencionado: se propõe a escrever um manual didático para alunos iniciantes em direito tributário, assim como para aqueles que se interessam no assunto por qualquer razão alheia. Porém, peca desde início na linguagem: é TRI DIFICIL de ler. Eu comecei lendo e notei de cara que o professor, com os provaveis anos de convívio com o pessoal "rebuscado" do direito, acabou adotando uma linguagem muito cheias de "xexexê", conhecido também como frescura :P pra dizer uma coisa em duas frases ele usa 10... um rodeio tremendo.

Mas enfim, vamos aos resumos:

Paztejamos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário